terça-feira, 18 de julho de 2017

TNAs! TNAs! TNAs!





Antes de a rapaziada ir definitivamente de férias, renovo aqui a minha posição a favor dos TNAs (Trabalhos na Aula) em detrimento dos TPCs (Trabalhos para Casa). Porquê? Porque quando eu, professor, me preparo para, no remanso do lar, corrigir esses tais TPCs, nunca sei a quem atribuir a classificação: se ao aluno, se ao explicador, se à mãe ou ao pai ou se à extraordinária e sapientíssima Internet, ferramenta para todo e qualquer serviço quando a emergência é maior que o saber. Digamos que o melhor seria não atribuir nota nenhuma e fazer o que se fazia dantes: convidar o aluno a defender o seu trabalho na aula, sem a participação dos seus inúmeros e nem sempre credenciados mind coaches (treinadores da mente). Só assim mostraria o que vale. Ou o que não vale.

1 comentário:

vovó disse...


como se diz na minha ilha: é "isse"!!!

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal