sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013


 
Há dois anos, no dia 22, partia para sempre o homem que me fez e modelou, que me ensinou a ser eu próprio e que, com sacrifício mas com orgulho, me deu ferramentas para poder sobreviver neste mundo cão. O homem que me ensinou a ser optimista, a estar sempre do lado da solução e nunca do lado problema, que me mostrou como era (é) bom comer, beber e viver sem ostentação, mas com qualidade. O homem que me mostrou que, com humildade, conseguimos voar mais alto e que, se formos honestos, ficamos mais próximos dos que nos são próximos e que teremos sempre amigos prontos a ajudar. Partiu um homem que amava a vida que, para ele, se resumia de forma profunda e intocável, à mulher, ao filho, à nora, aos netos, aos irmãos, à loja…

Um homem para quem todos os dias eram dias de festa, porque, para ele, a vida valia sempre a pena. E valeu. Já estive perto de te reencontrar mas… ainda não foi desta. Vais ter de esperar mais um tempo.

Um abraço, Pai.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013


A minha fofa hoje, quando acordou, disse: “Vou comprar um Porsche.” Levantei-me e fui à pressa para a casa de banho pôr um comprimido debaixo da língua, antes que me desse uma (outra) coisinha má. Quando regressei ao quarto, já com o cheque passado, a bela dona estava profundamente a dormir, ressonando, até, ao de leve. “Vais comprar um Porsche?” perguntei-lhe ao ouvido. Semi-acordou para responder: “Deves estar maluco! Temos de acabar de pagar o Ferrari e o iate.” Tinha sido um sonho, afinal. Rasguei o cheque, aliviado, e deitei-me a seu lado, pronto para mais 10 minutos de madorna.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Casa dos Enredos


 (Foto Paulo Caldeira-Folha de Montemor)
 
A Casa dos Enredos abriu e fechou as portas no dia 10 de Fevereiro, para receber e expulsar os concorrentes mais interessantes de sempre. Aqui fica, para memória futura, as personagens e os intérpretes desta grande peça de teatro carnavalesca:

Tesa(Tesinha para os amigos) Guilherme: Carla Rodrigues
Petra: Luís Parreira
Mara: Custódio Gervásio
Alexandra: Ana Barreiros
António: Manuel Henriques
Susana: António João Melgão
Claúdio: João Veiga
Jean-Mark: Hélder Pais
Marco: Mundinho Samina
Cátia: João Macedo
Fanny: Manuel Nunes
Senhora Merkel: Xico Pelaio
Avô do Jean-Mark: José Pedro Barreiros
A Burra: Nuno Serôdio e Gonçalo Sequeira
Voz: João Luís Nabo
Segurança 1: Nuno Tanganho
Segurança 2: Pedro Barreiros
Piano e Direcção Musical: Manuel Tavares
Encenador principal: José Pedro Barreiros
Assistentes do Encenador: todos os anteriores
Textos e canções: todos
Músicas: roubadas
Sonoplatas e luminotécnicos: Custódio Quintal e Tiago Coelho
Apoio na Produção: Sociedade Carlista

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal